Meditação do Farol de Luz

PUBLICADO EM: POR: Michaela

Para tempos de caos.
Quando sentir que tudo está confuso em sua volta e não conseguir encontrar a paz, pare tudo que está fazendo, todas as preocupações e faça esta visualização (se possível acenda uma vela e faça a meditação de frente para a vela):

Imagine-se como um farol sobre rochas, no meio de uma ilha. Ao seu redor, há um mar revolto. É noite e o mar está sendo sacudido por uma tempestade.

Sinta o vento e a água do mar a sua volta. Sinta como tudo está caótico ao seu redor. Ao mesmo tempo, sinta como você está firme, resistindo a mar e vento. Você é um alto farol de tijolos. O vento não te dobra, mas sopra sobre o seu corpo. A água não alcança a sua luz, pois você está muito acima das águas do mar. Tome um tempo para sentir como você está seguro dentro do farol, que é o seu corpo, apesar do ambiente caótico lá fora.

Agora, preste atenção no seu interior. Há uma luz dentro de você que irradia para todos os lados. Esta luz não diminui porque é noite. Ela não apaga com o vento, por mais que ele sopre. A água do mar revolto não a atinge porque você é muito alto. De que cor é a luz que te preenche? Ela é branca? Dourada? Rosa? Violeta?

Sentindo a sua luz, visualize-se como o farol, irradiando-a por todos os lados, cada vez mais forte, mais luminosa. Imagine que a luz irradia do ponto do seu coração, e vai aumentando em intensidade, até que a noite vire dia (sem pressa, tome o tempo que precisar).

Perceba que a medida que a sua luz irradia e ilumina tudo lá fora, a tempestade pára, o vento se abranda e o mar se acalma.

Espavo!  _/!\_